P.I.S.T.A. #07

E Deus disse: “Coloque mais alecrim.”

Ontem, dia 28 de maio, estreou a nova temporada da série Lúcifer na Netflix. A minha esposa e eu acompanhamos a série. Ontem, a Talita deu a letra sobre o que realmente é tratado nesta obra e transcrevo aqui, pois vale a pena compartilhar essa sabedoria: 

“Antes de assistir Lúcifer você acha que o tema da série é unicamente o sobrenatural. Depois que você começa a assistir passa a achar que será uma série sobrenatural junto com a temática policial, tipo CSI. Mas a temática real da série é o comportamento psicossocial e as relações familiares.”

Como diz aqui na minha terra, “matou a pau”. 

A série Lúcifer, para mim, é uma alegoria das nossas relações. 

E nessa temporada já deu para sentir que a tônica será a relação da família. O primeiro episódio é recheado de peripécias da família celestial. 

Não vou dar spoilers. Um amigo me disse uma vez que isso é “paia”. Não tinha a intenção de dar o spoiler na época quando comentava um episódio de “Supernatural”. Fiquei sem entender. Pensei que não havia falado nada de mais, mas o Filipão soltou um “ôrra, Luís”, então percebi que ele não tinha ficado satisfeito comigo.  Desde então tento controlar as palavras. Espero conseguir.

Há a cena do jantar da família celestial. Isso não é spoiler, pois o nome do episódio é “Jantar em família”, certo? 

Nesta cena não há dúvida da intenção dos criadores da série. Mostrar que toda família é disfuncional, até a celestial. Treta atrás de treta.

Mas me chamou a atenção uma fala do Pai eterno. Quando o prato feito por Ele foi elogiado pelo sabor (sim, O Pai é cozinheiro e isso faz total sentido dada as maravilhas culinárias deste mundo como broa de fubá, café e queijo), o Todo Poderoso comentou (algo parecido com isto):

“O segredo é o alecrim.”

Eu meditei sobre esta frase do Senhor do Universo. Como parece que tudo o que fala ou faz contém enigmas, tentei desvendar o que tinha por trás do alecrim.

Cheguei à conclusão que a mensagem é para que a gente dê sabor à nossa vida. A vida que é uma dádiva do próprio Deus. Somos convidados a utilizar as ferramentas disponíveis e  juntar as experiências que vamos adquirindo na jornada. Explorar o mundo por nós mesmos, decidir por nós mesmos. Algo que o Pai Todo Poderoso não abre mão é o tal do livre arbítrio. 

Estamos aqui para aprender. E levar para Ele a nossa experiência nesta Terra. 

O que eu andei fazendo aqui, refletiria eu na mesa de jantar com o Grande Arquiteto (e cozinheiro). Vejamos. Contribui para a expansão da consciência total do mundo? Exercitei os valores de bondade, empatia, justiça, nobreza e beleza?

Coloquei alecrim, sal, pimenta, páprica, ervas finas, orégano, coentro, noz moscada, enfim, temperos gostosos para dar mais sabor na minha vida? Ou deixei a vida xôxa? 

Tenho acreditado cada vez mais que o chamado é usar os nossos talentos (qualquer que seja) para tornar a vida mais bela, nobre e justa.

Pra mim, essa foi a mensagem por trás do enigma do alecrim na fala de Deus. 

Ou era só uma dica culinária mesmo. 

Sei lá quais são os desígnios do Senhor!

Publicado por Luís Fernando

Desde criança tive gosto por escrever e desenhar. Quando descobri Luís Fernando Veríssimo na minha adolescência, carinhosamente chamado por mim de Xará Veríssimo (mas isso ele não sabe, ou talvez já saiba!), formou-se o tripé atômico Leitura-Escrita-Desenho. Nas andanças da vida, meu caminho se desviou um pouco dessa área, graduei-me em Farmácia. Com muita ajuda de terapia e autoconhecimento, (re)descobri ser essa a minha paixão e meu chamado. Atacar de escritor, pelo menos por aqui. Na hora de escrever, eu misturo as minhas observações de mundo com os estudos sobre filosofia, livros que li dos diversos autores que me inspiram, animes e filmes que assisti, bato tudo no liquidificador e compartilho. É bem legal! A minha intenção é que o produto do meu trabalho possa tocar a alma de outra pessoa, assim como toca a minha. Espero que você se divirta ao ler as minhas histórias como eu me diverti ao escrevê-las.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: